Quinta-feira, 12 de Agosto de 2010

+

 

 

Nós já fomos tão pouco

Que cada vez somos mais

 

Já nem as portas fechadas nos parecem tão grandes

Os passos já não me afastam de ti

Porque te trago comigo

Se nem um sorriso em voo se perde ao cair

Porque sei que ficaste comigo

 

Agora não vou só

Já me guardas

A noite não é só solidão

Cruzo os braços e sento-me na areia

Sinto o mar a sonhar no meu chão

Caem estrelas mas não fazem mossa

São bonitas, inúteis, ao tecerem a sua teia

De tantos, tantos fios, tal como a nossa

 

Nossa..

Nós, que já fomos tão pouco

E que cada vez somos mais

 

Levanta o olhar, olha o horizonte

Descobre-me lá

Bem longe, ainda mais perto

Há um vulto a meu lado

Sorri de volta

O futuro não é deserto

E não é espelho, mas és tu

 

Não, é mentira

Ou quase...

Nós nunca fomos pouco

Mas cada vez somos mais...

 

Miguel

 

Sentimento :: certo
Rabisco da autoria de Melancholic Soul às 03:02
link do post | Reage! | favorito
1 Reacção:
De :dp: a 18 de Agosto de 2010 às 17:59
Um muito que é mais.
:)


Reagir

-->Eu sou o que sou, não o que fazem de mim

-->Procura-o

 

-->Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


-->Ultimos Rabiscos

--> O relógio já tocou

--> Aqui

--> Deitar

--> É só mais um dia, talvez....

--> Improviso

--> New

--> Cabaret Fortuna - Bar Abe...

--> +

--> +

--> ...

-->Rabiscos Guardados

--> Novembro 2011

--> Setembro 2011

--> Agosto 2011

--> Fevereiro 2011

--> Janeiro 2011

--> Novembro 2010

--> Agosto 2010

--> Junho 2010

--> Abril 2010

--> Fevereiro 2010

--> Janeiro 2010

-->tags

--> todas as tags

-->Ligações

-->subscrever feeds